Apren | Associação de Energias Renováveis

Eólicas Europeias em Destaque


O contributo da geração de eletricidade de origem eólica da União Europeia atingiu um dos seus máximos históricos no dia 11 de setembro: 1610 GWh. De acordo com os dados da WindEurope (Associação Europeia da Energia Eólica), a eletricidade produzida permitiu abastecer 19,8 % das necessidades do consumo elétrico da UE, o que equivale a cerca de 12 vezes o consumo médio diário de Portugal. Uma produção especialmente assinalável, que permitiu a paragem de produção de 60 centrais a carvão equivalentes à maior de Portugal – a central termoelétrica de Sines.
 
Destaca-se ainda neste dia um recorde histórico das centrais eólicas offshore, 251 GWh, que só por si permitiram suprir um consumo equivalente a 25 milhões de habitações.

Estes dados reforçam o potencial da energia eólica para abastecer as necessidades elétricas dos vários estados membros, e consecutivamente favorecer a transição para uma economia hipocarbónica. 

Em Portugal, as centrais eólicas produzem anualmente perto de 1/4 das necessidades elétricas nacionais, o que torna o nosso país um dos líderes mundiais do setor elétrico renovável.


(Créditos: Central Eólica de Serra do Ralo, detida pela Trustwind)






todos os direitos reservados